Terça-feira, 21 de Janeiro de 2014

Cada face é um milagre

Cada face é um Milagr3

 

 

Cada face é um milagre 

A criança negra, com pele negra, com olhos negros 
Cabelos crespos ou cacheados é uma criança. 

A criança branca, com pele rosada, com olhos azuis ou verdes 
Cabelos loiros e reto, é uma criança. 

Um ou outro, preto e branco, tem o mesmo sorriso 
Quando uma mão acariciar seu rosto, 
quando o olhamos com amor 
E lhe fala com ternura. 

Eles farão as mesmas lágrimas, se eles estão chateados, 
Se você machucá-los. 

Não há duas faces absolutamente idênticos 
Cada face é um milagre, porque é único. 

Duas faces pode assemelhar-se 
Mas nunca vai ser a mesma coisa. 
A vida é mesmo esse milagre. 
Este movimento constante e em movimento 
E nunca reproduziu o mesmo rosto. 

Viver juntos é uma aventura onde o amor, 
A amizade é um belo encontro com o que não é comigo, 
Que é sempre diferente de mim e me enriquece. 

Tahar Ben Jelloun 
Mots et merveilles
*MFC

 

 

Cabo Verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 20:13
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 18 de Maio de 2013

aprendi a temer monstros, fantasmas e demônio

Cabo Verde

 

O medo foi um dos meus primeiros mestres.


Antes de ganhar confiança em celestiais criaturas, aprendi a temer monstros, fantasmas e demônios. Os anjos, quando chegaram, já era para me guardarem, servindo como agentes da segurança privada das almas.


MIA COUTO

 

Praia do Tarrafal,

Cabo verde, Novembro de 2012

Jorge Soares

 


publicado por Jorge Soares às 16:11
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sábado, 2 de Fevereiro de 2013

Barcos

Barcos

 

BARCOS


"Nha terra é quel piquinino
É São Vicente é que di meu"

 

Nas praias
Da minha infância
Morrem barcos
Desmantelados.

 

Fantasmas
De pescadores
Contrabandistas
Desaparecidos
Em qualquer vaga
Nem eu sei onde.

 

E eu sou a mesma
Tenho dez anos
Brinco na areia
Empunho os remos...
Canto e sorrio...
A embarcação
Para o mar!
É para o mar!...

 

E o pobre barco
O barco triste
Cansado e frio
Não se moveu...

 

Yolanda Marazzo

 

Tarrafal, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 11:12
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2013

Chegamos? Não chegamos?

Pescadores em Cabo Verde



Pelo sonho é que vamos,

comovidos e mudos.

Chegamos? Não chegamos?

Haja ou não haja frutos,

pelo sonho é que vamos.

Basta a fé no que temos.

Basta a esperança naquilo

que talvez não teremos.

Basta que a alma demos,

com a mesma alegria,

ao que desconhecemos

e ao que é do dia a dia.

Chegamos? Não chegamos?

- Partimos. Vamos. Somos.

Sebastião da Gama (1924-1952)


Pescadores da Cidade Velha

Cabo Verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 18:11
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quinta-feira, 29 de Novembro de 2012

Quanto tempo dura o eterno?

De guarda

 

Alice: Quanto tempo dura o eterno?
Coelho: As vezes apenas um segundo.
(Alice no País das Maravilhas)

Lewis Carroll


Acreditem ou não, esta fotografia foi tirada em frente a um quartel militar que está activo .... claramente foi num lugar onde se dão prioridades a outras coisas.... desejo de todo coração que seja assim para sempre ... e que os exemplos se sigam noutros locais onde há mais dificuldade em estabelecer este tipo de prioridades.

 

Cidade da Praia

Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 18:16
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sexta-feira, 23 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Serra da Malagueta

Serra da Malagueta, Cabo Verde

Serra da Malagueta, Cabo Verde

Serra da Malagueta

Serra da Malagueta

Serra da Malagueta

 

Da praia à serra verde é um instantinho.. 

 

Serra da Malagueta

Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 20:42
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Quinta-feira, 22 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Bungavilias

Bungavilias

Bungavilias

Bungavilias

Bungavilias

Bungavilia

 

Bingavilias

Plateau, Cidade da Praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 19:43
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 21 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Praia do Tarrafal 4

Tarrafal

Tarrafal

Tarrafal

Tarrafal

Tarrafal

 

 

A outra Praia do Tarrafal... come-se ali um atum grelhado delicioso debaixo daquelas árvores.....

 

Tarrafal, cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 21:06
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 20 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Praia do Tarrafal 3

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

 

Gente na Praia do Tarrafal

Cabo Verde, Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 20:53
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 19 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Praia do Tarrafal 2

Pescadores, Praia do tarrafal

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

Cabo Verde, Praia do Tarrafal

 

 

Os barcos de pesca na Praia do Tarrafal

Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 20:42
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Domingo, 18 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal, Cabo Verde

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

Praia do Tarrafal

 

Praia do Tarrafal

Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 19:32
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Sábado, 17 de Novembro de 2012

Contrastes

Contrastes, as bungavillias no meio do verde

 

Nunca tinha visto, na mesma planta temos umas flores laranjas e outras vermelhas,.. flores não, que na realidade aquilo são folhas coloridas que só existem para proteger a pequena flor branca que está lá no centro.

 

Algures no Plateau, Cidade da Praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 11:11
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 15 de Novembro de 2012

O gosto a sol e a sangue dos sentidos.

Vendedoras de Água de Coco

 

 

Caminharemos de Olhos Deslumbrados

 

Caminharemos de olhos deslumbrados 
E braços estendidos 
E nos lábios incertos levaremos 
O gosto a sol e a sangue dos sentidos. 

Onde estivermos, há-de estar o vento 
Cortado de perfumes e gemidos. 
Onde vivermos, há-de ser o templo 
Dos nossos jovens dentes devorando 
Os frutos proibidos. 

No ritual do verão descobriremos 
O segredo dos deuses interditos 
E marcados na testa exaltaremos 
Estátuas de heróis castrados e malditos. 

Ó deus do sangue! deus de misericórdia! 
Ó deus das virgens loucas 
Dos amantes com cio, 
Impõe-nos sobre o ventre as tuas mãos de rosas, 
Unge os nossos cabelos com o teu desvario! 

Desce-nos sobre o corpo como um falus irado, 
Fustiga-nos os membros como um látego doido, 
Numa chuva de fogo torna-nos sagrados, 
Imola-nos os sexos a um arcanjo loiro. 

Persegue-nos, estonteia-nos, degola-nos, castiga-nos, 
Arranca-nos os olhos, violenta-nos as bocas, 
Atapeta de flores a estrada que seguimos 
E carrega de aromas a brisa que nos toca. 

Nus e ensanguentados dançaremos a glória 
Dos nossos esponsais eternos com o estio 
E coroados de apupos teremos a vitória 
De nos rirmos do mundo num leito vazio. 


Ary dos Santos, in 'Liturgia do Sangue'

 

Vendedoras de cocos na praia do Tarrafal

Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 17:00
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Novembro de 2012

Esteve aqui

Plateau, Vabo Verde

 

Na vida só vale o amor e a amizade. O resto é tudo pinóia, é tudo presunção, não paga a pena..."

Jorge Amado


Numa parede no Plateau, Cidade da Praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 17:53
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Domingo, 11 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Plateau 2

Plateau, Praia, Cabo Verde

Plateau, Cabo Verde

Plateau, Cabo Verde

Plateau, Cabo Verde

Plateau, Cabo Verde

 

 

Plateau, Cidade da Praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 10:28
link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 10 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Eu jurei a mim mesmo

Amílcar Cabral

 

eu jurei a mim mesmo, que tenho que dar a minha vida, toda a minha energia, toda a minha coragem, toda a minha capacidade que posso ter como homem, até ao dia em que morrer, ao serviço do meu povo, na Guiné e Cabo-Verde. Ao serviço da causa da humanidade, para dar a minha contribuição, na medida do possível, para a vida do homem se tornar melhor no mundo. Este é que é o meu trabalho

 

Amilcar Cabral

1969


publicado por Jorge Soares às 10:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Sexta-feira, 9 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Kebra Kanela

Praia de Kebra Kanela

Kebra Kanela

Kebra Kanela

Kebra kanela

Praia de Kebra Kanela, Cabo Verde

 

Praia de Kebra Kanela.

A icidade da Praia e a Ilha de Santiago não são definitivamente o melhor cartaz turistico de Cabo Verde... não se vê ali, mas da parte de cima há um excelente bar de praia onde bebi o maior Gin Tónico que alguma vez vi na vida...e soube mesmo bem.

Cidade da praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 19:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Quinta-feira, 8 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Vista desde o Plateau sobre uma das praias da Cidade da Praia

Cidade da Praia

Cidade da Praia

Cidade da Praia

Cidade da praia

Cidade da Praia

 

Vista desde o Plateausobre uma das praias da Cidade da Praia

 

Cidade da praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 19:44
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 7 de Novembro de 2012

Cabo Verde - Plateau

Cabo Verde, Plateau, Cidade da Praia

Plateau, Cidade da Praia, Cabo Verde

Cabo Verde

Bandeira de Cabo Verde

Cabo Verde

 

 Plateau, cidade da Praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 20:53
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Terça-feira, 6 de Novembro de 2012

Para um tempo que fica Doendo por dentro

Praia de Kebra Kanela

 

 Canção do Tempo

 

Para um tempo que fica
Doendo por dentro
E passa por fora
Para o tempo do vento
Que é o contratempo
Da nossa demora
Passam dias e noites
Os meses...os anos
O segundo e a hora
E ao tempo presente
É que a gente pergunta
E agora...e agora

 

Tempo
Para pensar cada momento deste tempo
Que cada dia é mais profundo e é mais tempo
Para emendar pois outro tempo menos lento


Tempo
Dos nossos filhos apredenderem com mais tempo
A rapidez que apanha sempre o pensamento
Para nascer, para viver, para existir
E nunca mais verem o tempo fugir

Ai...o tempo constante
Que a cada instante
Nos passa por fora
Este tempo candente
Que é como um cometa
Com laivos de aurora
É o tempo de hoje
É o tempo de ontem
É o tempo de outrora
Mas o tempo da gente
É o tempo presente
É agora...é agora

 

Tempo
Para agarrar cada momento deste tempo
E terminar em absoluto ao mesmo tempo
Em temporal como os ponteiros do minuto


Tempo
Para o relogio bater certo com a vida
Que um homem bom que um homem sao que um homem forte
Que nao chegava a conseguir fazer partida
E que desperta adiantado para a morte

 

Ary Dos Santos 

 

Uma criança brinca na areia na Praia de Kebra Kanela

Cidade da Praia, Cabo Verde

Novembro de 2012

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 00:03
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 1 de Junho de 2011

O dia das outras crianças

Crianças de Cabo verde

Crianças na escola em Cabo Verde

Crianças de Cabo Verde

Crianças

Crianças

 

Por vezes esquecemos o motivo pelo que há um dia da criança, esquecemos que não é o dia das prendas dos nossos filhos, não é o dia das festas nas escolas, não é mais um dia para dar coisas às crianças que já tem tudo.. é um dia que deveria servir para nos lembrarmos que ainda há muitas crianças que não tem nada, muitas crianças que não  olham para o mundo como nós olhamos, ainda há crianças que pouco ou nada tem.

 

Crianças em cabo Verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 18:59
link do post | comentar | ver comentários (14) | favorito
|
Segunda-feira, 11 de Abril de 2011

Porque não sorris à vida menino negro?

Porque não sorris à vida menino negro?

 

Menino Negro

 

Porque não sorris
À vida,
Menino negro?!

Ela espera por ti
E quer dar-te,
Comovida,
O melhor que ela tem:
O Amor,
A Esperança,
Serão a tua herança
Neste mundo de dores.

Sorri à vida,
Menino negro,
Sorri à Vida!
Ela espera por ti.

Nos teus olhos,
Que a noite inveja,
Nascem estrelas
De mil cores
Em arco-íris de Alegria
E de Bonança...

Menino negro,
Sorri à vida!
Ela espera por ti
E não se cansa
De esperar por ti
Cada dia...


in POEMAS DE UMA VIDA

Maria Rita Valente-Perfeito

 

Retirado de Sorrisos sem Cor

Cabo Verde 

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 15:39
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Quinta-feira, 24 de Fevereiro de 2011

Anoitece

Pôr do sol em Cabo Verde

 

"Anoitece...

É tarde !...e quando anoitece
Cai o silêncio na Ria
Ressurge quando amanhece
Com aves em cantoria

Em noites maravilhosas
Com brisas de maresia
Medito trechos em prosa
Num quadro de Poesia

Adormeço ao som do mar
Durmo deitado na areia
Num sonho de Amor Primeiro

Na esperança de te encotrar
Neste meu leito de areia
Que é cama de Marinheiro"
 
João Severino
 
Pôr do Sol em Cabo Verde (João, era melhor uma imagem da ria formosa... mas não tenho nenhuma)
Fevereiro de 2010
jorge Soares

publicado por Jorge Soares às 02:08
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Terça-feira, 15 de Fevereiro de 2011

Saudade

Flores em Cabo Verde

 

Sorri quando a dor te torturar
E a saudade atormentar
Os teus dias tristonhos vazios

Sorri quando tudo terminar
Quando nada mais restar
Do teu sonho encantador

Sorri quando o sol perder a luz
E sentires uma cruz
Nos teus ombros cansados doridos

Sorri vai mentindo a sua dor
E ao notar que tu sorris
Todo mundo irá supor
Que és feliz

 

Charles Chaplin

 

Praia, Cabo Verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 00:02
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 14 de Fevereiro de 2011

Menino do bairro negro

Meninos de cabo Verde

 

Olha o sol que vai nascendo 
Anda ver o mar 
Os meninos vão correndo 
Ver o sol chegar 

Menino sem condição 
Irmão de todos os nus 
Tira os olhos do chão 
Vem ver a luz 

Menino do mal trajar 
Um novo dia lá vem 
Só quem souber cantar 
Vira também 

Negro bairro negro 
Bairro negro 
Onde não há pão 
Não há sossego 

Menino pobre o teu lar 
Queira ou não queira o papão 
Há-de um dia cantar 
Esta canção 

Olha o sol que vai nascendo 
Anda ver o mar 
Os meninos vão correndo 
Ver o sol chegar 

Se até da gosto cantar 
Se toda a terra sorri 
Quem te não há-de amar 
Menino a ti 

Se não é fúria a razão 
Se toda a gente quiser 
Um dia hás-de aprender 
Haja o que houver 

Negro bairro negro 
Bairro negro 
Onde não há pão 
Não há sossego 

Menino pobre o teu lar 
Queira ou não queira o papão 
Há-de um dia cantar 
Esta canção

 

Zeca Afonso

Ouvir aqui

 

Algures numa praia na Ilha de Santiago

Cabo Verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 00:05
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Sábado, 12 de Fevereiro de 2011

Há um ano foi assim, Pôr do sol em Cabo Verde

Pôr do Sol em Cabo Verde

Pôr do sol em Cabo Verde

Pôr do sol em Cabo Verde

Pôr do Sol em Cabo verde

Pôr do Sol em Cabo Verde

 

Pôr do Sol em Cabo Verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 22:07
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Segunda-feira, 29 de Novembro de 2010

Dois horizontes

Pôr do Sol em Cabo verde

 

Dois Horizontes

 

Um horizonte, — a saudade 
Do que não há de voltar; 
Outro horizonte, — a esperança 
Dos tempos que hão de chegar; 
No presente, — sempre escuro,— 
Vive a alma ambiciosa 
Na ilusão voluptuosa 
Do passado e do futuro. 

Os doces brincos da infância 
Sob as asas maternais, 
O vôo das andorinhas, 
A onda viva e os rosais; 
O gozo do amor, sonhado 
Num olhar profundo e ardente, 
Tal é na hora presente 
O horizonte do passado. 

Ou ambição de grandeza 
Que no espírito calou, 
Desejo de amor sincero 
Que o coração não gozou; 
Ou um viver calmo e puro 
À alma convalescente, 
Tal é na hora presente 
O horizonte do futuro. 

No breve correr dos dias 
Sob o azul do céu, — tais são 
Limites no mar da vida: 
Saudade ou aspiração; 
Ao nosso espírito ardente, 
Na avidez do bem sonhado, 
Nunca o presente é passado, 
Nunca o futuro é presente. 

Que cismas, homem? – Perdido 
No mar das recordações, 
Escuto um eco sentido 
Das passadas ilusões. 
Que buscas, homem? – Procuro, 
Através da imensidade, 
Ler a doce realidade 
Das ilusões do futuro. 

Dois horizontes fecham nossa vida.

 

(Machado de Assis, in "Crisálidas")

 

Pôr do sol em Cabo verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 00:15
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
|
Quarta-feira, 10 de Novembro de 2010

Regras de sensatez

Praia, Cabo Verde

 

 

"Nunca voltes ao lugar
onde já foste feliz
por muito que o coração diga
não faças o que ele diz
Nunca mais voltes à casa
onde ardes-te de paixão
só encontrarás erva rasa
por entre as lajes do chão
Nada do que por lá vires
será como no passado
não queiras reancender
um lume já apagado
São as regras da sensatez
vais sair a dizer que desta é de vez
Por grande a tentação
que te crie a saudade
não mates a recordação
que lembra a felicidade
Nunca voltes ao lugar
onde o arco - irís se pôs
só encontrarás a cinza
que dá na garganta nós.
São as regras da sensatez
vais sair a dizer que desta é de vez"

 

Rui Veloso

 

Ouvir aqui

Pôr do sol na cidade da Praia, Cabo Verde
Fevereiro de 2010
Jorge Soares

publicado por Jorge Soares às 00:12
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
|
Segunda-feira, 26 de Julho de 2010

Sem titulo .. não me apeteceu!

Fim de tarde na Praiinha, Praia, Cabo Verde

 

 

Criança Eterna

 

Vi nos voos dos pássaros
O entardecer escapar-se por entre
Os traços verdes do arvoredo.
Sob os olhos do anoitecer uma alma
Amparada no florir de um beijo
Em instantes de sol e doçura;
Um coração a sangrar por nada ter
Para dar e tudo perder e um homem
Que toda a sua riqueza consigo transporta.

E vi sombras de fogo num peito,
Uma alegria descontente em horas
Que são minutos quando dois corpos
Em seu leito se enamoram; e vi bolsos
De mar e de luz no desassossego
E em tudo vi a criança eterna…
Vi-me a mim.

De Alves Bento Belisário in, Inquietudes, pág. 38 (2005)

Retirado de Poesia Portuguesa

A vida deveria ser feita de momentos assim, momentos serenos, cheios de paz... devia mesmo!
Fim de tarde em Cabo Verde
Fevereiro de 2010
Jorge Soares

publicado por Jorge Soares às 10:24
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Quarta-feira, 21 de Julho de 2010

Passarinha de pena azul (Halcyon)

Pássaro em Cabo verde

Passarinha de pena azul

Passarinha de pena azul, Cabo verde

Passarinha de pena azul, Cabo Verde

 

Passarinha (Halcyon leucocephala) é um guarda-rios com uma grande zona de distribuição que vai de Cabo Verde (ilhas de Brava, Fogo e Santiago),Mauritânia, Senegal e Gâmbia, até à Etiópia, Somália e sul da Arábia, a leste, e África do Sul, a sul.

 

Este bichinho estava comodamente sentado numa das muitas árvores que rodeavam o hotel,  a ver o pôr do sol sobre o mar.

 

Praia, Ilha de Santiago, Cabo Verde

Fevereiro de 2010

Jorge Soares


publicado por Jorge Soares às 19:22
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Related Posts with Thumbnails

Direitos de Autor
Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março.
Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo e serão retiradas de imediato.

 

.pesquisar

 

Também estou aqui: 

Olhares

Picasa Jorge Freitas Soares

Picasa Momentos e olhares



First Class Radio 

.mais sobre mim

.arquivos

. Dezembro 2016

. Janeiro 2016

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. todas as tags

.links

.Quem cá vem



.mais comentados

blogs SAPO

.subscrever feeds