Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Momentos e Olhares

A vida é feita de momentos, alguns são apagados, levados pelas ondas da vida, outros ficam, perduram na nossa memória e fazem de nós o que somos, olhares, vivências, recordações e saudade! -Jorge Soares

Momentos e Olhares

A vida é feita de momentos, alguns são apagados, levados pelas ondas da vida, outros ficam, perduram na nossa memória e fazem de nós o que somos, olhares, vivências, recordações e saudade! -Jorge Soares

Flor que não dura

Cardos

 

Flor que não dura 
Mais do que a sombra dum momento 
Tua frescura 
Persiste no meu pensamento.

 

 

Não te perdi 
No que sou eu, 
Só nunca mais, ó flor, te vi 
Onde não sou senão a terra e o céu. 

 

Fernando Pessoa

 

Por estas alturas este tipo de cardo cresce um pouco por todo lado, estes estavam numa zona seca, pelo que não tinham mais que dez ou quinze centímetros de altura, as flores eram pequenas .. mas prometem uma enorme beleza.

 

No sopé da serra da Arrábida

Setúbal

Maio de 2011

Jorge Soares

 

15 de Maio de 2011 , Câmara:SONY DSLR-A350, ISO:100, Exp.:1/320 seg., Abert:6.3, Dist.:200mm

As cores da Flor de Cardo

Flor de cardo branca

As cores dos cardos

As cores da flor de cardo, amarela

As cores da flor de Cardo, azul marinho

As cores da flor de Cardo

As cores da flor de cardo

 

Tenho a certeza que tenho mais um ou dois tons, quem sabe dá mais posts... o sopé da serra da Arrábida ficou especialmente colorido depois das chuvas de Abril, e como podemos ver pela amostra os cardos floresceram em força, chamou-me a atenção especialmente os primeiros, um pé branco rodeado de uma floresta de tom lilás que aparentavam ser da mesma espécie... mas eu não percebo nada de botânica.

 

Setúbal, Maio de 2010

Jorge Soares

 

Detalhes de uma flor de cardo

O Cardo

O Cardo

Detalhe de um cardo

Detalhes de uma flor de cardo

Detalhes de uma flor de cardo

 

Aqui à volta há vários tipo de cardos diferentes, a semana passada estes muito maiores que todos os que tinha visto invadiram os terrenos aqui à volta, as flores são enormes e duram só um ou dois dias.. mas dão fotografias fantásticas

 

Detalhes de uma flor de cardo

Setúbal, Maio de 2010

Jorge Soares

Direitos de Autor
Nenhuma parte deste site pode ser reproduzida sem a prévia permissão do autor. Todas as fotografias estão protegidas pelo Decreto-Lei n.º 63/85, de 14 de Março.
Uma vez que a maioria das fotografias foram feitas em locais públicos mas sem autorização dos intervenientes, se por qualquer motivo não desejarem que sejam divulgadas neste blog entrem em contacto comigo e serão retiradas de imediato.

 

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Quem cá vem